CPTG - Controlo de qualidade

Óleos essenciais puros doTERRA através do teste de qualidade CPTG

Os Óleos Essenciais dōTERRA®, são Biológicos?

Esta é a pergunta mais frequente.

Pois, os Óleos dōTERRA® não são biológicos... São mais do que isso!

Um produto pode ser biológico mas pode não ser puro.

Os Óleos da dōTERRA® além de serem 100% biológicos, são 100% puros, pois todos os lotes são examinados, controlados, para que apenas sejam comercializados Óleos que apenas contenham os extractos desejados da planta do qual provêm. 

Daí a marca dōTERRA® ser líder a nível mundial.

Sim, os nossos produtos são 100% Biológicos, o que para nós, não poderia ser de outra maneira, e 100% Puros, que é o nosso verdadeiro orgulho.


Teste de Qualidade CPTG

A pureza de um óleo essencial é a sua característica mais importante. Um óleo essencial que não é puro significa que você corre o risco de colocar germes, metais pesados ​​ou adulterantes em seu corpo, o que pode provocar irritação, efeitos adversos ou mesmo doenças. A doTERRA criou o seu próprio processo de teste, chamando-o CPTG Certified Pure Therapeutic Grade ®. O processo do CPTG certifica que não há enchimentos, ingredientes sintéticos ou contaminantes prejudiciais nos seus óleos essenciais que reduzam a sua eficácian e pureza. A doTERRA vai ainda mais longe, colocando todos os seus produtos e embalagens numa bateria de testes para garantir uma longa vida útil. Este protocolo que inclui 34 testes, garante pureza e consistência lote a lote.

 

Antes do início do processo CPTG®

GCms.jpg

Cromatografia Gasosa e Análise de Espectrometria de Massa (GC / MS)

Em Cromatografia Gasosa, um óleo essencial é vaporizado e passado por uma longa coluna para separar o óleo em seus componentes individuais. Cada componente irá percorrer a coluna a uma velocidade diferente, dependendo do seu peso molecular e propriedades químicas, e é medido à medida que sai da coluna. Usando este método de teste, os analistas de controle de qualidade podem determinar quais compostos estão presentes em uma amostra de teste .

A Espectrometria de Massa é usada em conjunto com a Cromatografia Gasosa para determinar ainda mais a composição de um óleo essencial . Na Espectrometria de Massa, os constituintes previamente separados por GC são ionizados e enviados através de uma série de campos magnéticos. Usando o peso molecular e carga, a quantidade de cada constituinte pode ser identificada, fornecendo informações adicionais sobre a potência do óleo essencial.

FTIR.jpg

Espectroscopia por Infravermelho com Transformada de Fourier

A Espectroscopia por Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR) é conduzida para garantir a potência e qualidade consistente de um lote de óleo essencial . Este método de teste identifica os componentes estruturais dos compostos de óleos essenciais. Em uma varredura do FTIR, a luz infra-vermelha de diferentes freqüências é projetada através de uma amostra de óleo essencial e a quantidade de luz absorvida pela amostra é medida. A qualidade da amostra é determinada comparando os resultados de uma leitura de FTIR com uma base de dados histórica com padrões de absorção de amostras de alta qualidade.

Chirality.jpg

Teste de quiralidade

Quiralidade, uma palavra derivada da palavra grega “mão”, é um termo usado para descrever a orientação 3D de uma molécula. Assim como você tem duas mãos, as moléculas quirais existem em duas formas, distintas como a direita ou a esquerda. Você pode visualizar esse princípio olhando para suas mãos; quando colocados lado a lado, eles são imagens espelhadas um do outro. No entanto, quando colocados em cima uns dos outros, não importa como você os vira, não é possível fazer com que eles se alinhem exatamente. Nas moléculas, cada “mão” tem propriedades químicas diferentes, o que afeta suas interações fisiológicas no corpo. Uma mão é produzida predominantemente na natureza. No entanto, em um ambiente de laboratório, a proporção de moléculas da direita para a esquerda é sempre 50/50, devido às suas semelhanças estruturais. A proporção de constituintes da mão direita para a esquerda pode ser determinada por meio de um tipo especial de Cromatografia Gasosa. Embora não seja comumente executado em uma base de lote para lote, esse método de teste é usado para garantir que nenhum elemento sintético esteja presente.

Análise isotópica.jpg

Análise Isotópica

A matéria é composta de pequenos blocos químicos chamados elementos. Embora existam dezenas de elementos, cada um é distinto devido aos prótons que contém. Às vezes, um elemento pode existir em mais de uma forma estável se tiver mais ou menos nêutrons. Quando isso ocorre, os elementos são chamados de isótopos. O elemento carbono existe em dois isótopos estáveis, carbono-12 (6 prótons e 6 nêutrons) e carbono-13 (6 prótons e 7 nêutrons). Como os óleos essenciais são compostos orgânicos, eles são compostos principalmente de átomos de carbono e terão uma certa proporção de isótopos de carbono-12 a carbono-13. Essa proporção varia de acordo com a localização em todo o mundo.

Usando um tipo especial de Espectroscopia de Massa, é possível determinar quais isótopos estão presentes em um constituinte de óleo essencial e em quais quantidades . Se proveniente do mesmo local, todos os constituintes de um óleo essencial devem ter a mesma proporção de isótopos. Se um determinado constituinte tiver um perfil isotópico diferente daquele dos outros constituintes, o analista de controle de qualidade saberá que o óleo contém uma adulteração.

Testes de Heavy Metal

O teste de metais pesados ​​mostra a quantidade de conteúdo de metais pesados ​​no óleo essencial. Quando devidamente destilado, os óleos essenciais não devem conter metais pesados. O teste de ICP-MS usa um meio de alta energia chamado Plasma Acoplado Indutivamente (ICP) para ionizar a amostra. A amostra é então passada através de um espectroscópio de massa, que separa a amostra em suas partes elementares e fornece uma leitura sobre quais elementos estão presentes e em quais quantidades.